Deeper and deeper


Antes que se faça viva,
Toda a questão por traz da vida,
Colo com um beijo
O segredo sobre ela

A vida se resguarda.
Ela se apresenta.
E eu não consigo suportá-la.
Minha carne, meu sangue,
Isso sim eu sei.
Mas meus sentimentos,
Estes, já não sei.

Deixo que a vida resguardada,
E apresentada, me leve em seu vento.
Que me leve em suas ondas.
Que me leve em sua soma.
Sua soma de amor e confusão.
Em sua soma de guerra e comunhão.

Ainda peço aos deuses
Que me tragam mais virtude, mais
Consciência,
Lucidez,
E avidez.
Pra fazer de meu viver algo
Mais racional que eu mesmo seja.

Não, não preciso viver
Tudo que se resguarda.
Mas preciso ir deeper and deeper.
Mais longe que os aléns.
Mais longe que a jornada mais cansada.

Preciso repensar o que estou por fazer.
Nessa hora tão confusa.
Vejo a luz que, difusa,
Me pergunta a que horas
Partirei.

Respondo a grandiosa luz
Que a partida
Sobejais a uma das somas da
Vida
Coragem e libertinagem

Recriminarão eu sei.
Mas a coragem que busquei
Há de ser o que pensei
E há de fazer o que não sei.

2 Recados:

Rafa disse...

tudo o que eu quero para 2009, consta aqui! acho q não falta nada!

amei!

Rafiq Chang disse...

Poxa! Maravilhoso! Parabéns!

Bj,
Rafiq Chang